Já era tempo da Câmara dos Deputados fazer alguma coisa pelo Brasil; tais mudanças sejam bem vindas. Vem aí as seguintes alterações: Prefeito Governador e Presidente só podem ter um mandato; o voto poderá ser facultativo nota dez. São medidas de grande necessidade para a moralização da nação. Aproveitando a rara boa vontade e o raro espírito de nacionalidade do “honrado e ético” presidente da Câmara Henrique Eduardo Alves, pedimos que inclua no projeto a redução de 50% no número de vereadores, deputados estadual, federal e senadores e apenas um mandato para todo o legislativo. Aí, o Brasil realmente chegaria a primeiro mundo.