A INDÚSTRIA DA PAZ

janeiro 21, 2020

O turismo que muitos apelidaram de “a indústria sem chaminé” é, na realidade, a indústria da paz. Pois ele promove o bom entendimento e a fraternidade entre as pessoas que vivem no planeta Terra e que, viajando de um país para outros, convivem com harmonia e interagem suas distintas culturas.
E, ainda mais, essa movimentação de milhões de pessoas entre os cinco continentes incrementa um valor de recursos financeiros tão alto que as estatísticas dizem ser o terceiro maior do mundo. Daí, além de promover o bem entre pessoas diferentes, proporciona também um infindável número de empregos, renda e desenvolvimento.
Aqui no Brasil não poderia ser diferente, pois temos de tudo para agradar aos turistas estrangeiros que se deleitam com os nossos costumes, gastronomia, história, belezas naturais e a nossa alegria singular. Também o turismo interno entre as nossas diversas regiões se destaca e tem crescido de forma consistente.
A nossa Paraíba não faz por menos e os inúmeros setores e serviços que atuam na área do turismo se entrelaçam e agem positivamente. Aumentam e fazem crescer o nosso movimento turístico, interligando cerca de cinquenta atividades, promovendo mais empregos e a melhoria econômica e financeira dos paraibanos.
Entre as diversas entidades que agem para o crescimento do turismo paraibano, todas elas atuando entrelaçadas com o mesmo objetivo, destaco no momento a ABRAJET-PB (Associação Brasileira de Jornalistas de Turismo da Paraíba), filiada à ABRAJET NACIONAL e que tem atuado há cerca de 40 anos para divulgar e promover o turismo local.
E, no trabalho incansável de seus associados para esse fim a ABRAJET-PB realiza todos os anos a entrega do Troféu Waldemar Duarte, que é dado àqueles que se destacaram durante o ano em prol do nosso turismo, e, ainda, a entrega da Comenda Wills Leal aos que atuaram com relevância nesse setor.
No dia 07 de dezembro passado realizou-se mais uma solenidade para a entrega desses troféus aos escolhidos pelos associados da ABRAJET-PB, realizada nas dependências da Fundação Casa de José Américo, na praia do Cabo Branco. Evento esse que foi presidido pela atual presidente da entidade, a atuante jornalista Messina Palmeira e que obteve pleno êxito.
Os agraciados com o Troféu Waldemar Duarte foram os seguintes: jornalista: José Vieira; a ABRASEL-PB; a Santura; o artista plástico Clóvis Junior; o restaurante Bodóbromo; a multifeira Brasil Mostra Brasil; a doceira
Dona Nevinha da Silva; a Revista Tribuna; a Vila Junina; a gestora Fernanda Melo e o Encontro da Consciência Cristã, realizado em Campina Grande durante o carnaval.
Já a Comenda Wills Leal (fundador e primeiro presidente da ABRAJET-PB) foi entregue ao famoso jogador de futebol e empresário de turismo, Hulk; ao jornalista Fernando Moura presidente da Fundação Casa de José Américo, e, ao cantor e compositor Eduardo Fuba. Com relação ao jogador e craque internacional Hulk, vale salientar os seus investimentos realizados no setor de turismo em João Pessoa, destacando-se o Hotel Ba’Ra, à beira-mar da praia do Cabo Branco, de alto padrão e que será administrado por um grupo hoteleiro internacional.

O Comendador Hulk ladeado pelos abrajeteanos (da esquerda para direita) Andréia Barros, Romero Rodrigues, Thereza Madalena, Astrid Bakke, Messina Palmeira, Ivan Y Plá Trevas e Rogério Almeida

Ivan Y Plá Trevas

Jornalista

Nenhum Comentário

Os comentários estão fechados.