XXIX Salão de Artesanato Paraibano

janeiro 7, 2019

Uma grande feira do artesanato paraibano está acontecendo no Espaço Cultural Zé Lins do Rego. A amostra teve inicio no dia 18 de dezembro e vai até o dia 13 de janeiro/2019.

Quando o assunto é arte, a Paraíba é referência nacional, e é em uma exposição desse porte em que observamos o talento e a criatividade do artista paraibano. Na confecção dos produtos são utilizadas diversas matérias primas, técnicas e expressões. Personagens criados refletem histórias de nossa cultura e do imaginário popular.
Do reaproveitamento da madeira, por exemplo, são feitos bancos, centros, bandejas, brinquedos populares (como o peão, brinquedo bem conhecido dos nossos pais), além de imagens de Santos, etc; da palha, vêm lindas bolsas, brincos, jogos americanos; do barro, são moldados os jarros, travessas, panelas e decorativos; das garrafas pets, as flores, arranjos e abajures; do couro, produtos utilitários, decorativos e de uso pessoal; o algodão colorido tem feito sucesso não só no Brasil, como no exterior, na confecção de almofadas, tapetes e vestimentas.
A tradicional boneca de pano, outrora confeccionada pelas nossas mães e avós, também está exposta na feira. Enfim, temos um rico e variado artesanato, valorizado principalmente por turistas que encontram nele a oportunidade de presentear seus amigos e familiares, que ainda não conhecem o trabalho dos nossos artistas.


O Espaço Cultural é um lugar amplo, onde os estandes foram montados em vai-e-vem de largos corredores, com espaço suficiente e sem tumulto para grandes fluxos de visitantes. Os próprios artesãos e artistas plásticos estão presentes, expondo e passando todas as informações que o imaginário do público precisa.
O evento ocorre anualmente no período de alta estação, e ano após ano, tem se tornado referência no turismo local, com excelentes vendas e negociações. A partir dessa feira, muitos artistas ficaram conhecidos e são convidados para expor em outros estados e também fora do Brasil, em feiras e galerias de arte.
O artista plástico Francisco Ferreira (Chico), paraibano renomado nas artes plásticas, tem o mérito de ter uma peça de cerâmica (escultura) exposta no Museu de Arte Contemporânea Ynchuan, na China. Entre pinturas, esculturas e cerâmicas, em seu ateliê/casa, o visitante acompanha a evolução do mestre Chico. Por se tratar de um evento que vem ocorrendo há quase três décadas, existe um relaxamento das autoridades na divulgação, pois não encontramos folhetos informativos além de nenhum representante para prestar informações sobre a feira e seus expositores.
Em conversa informal, ouvi de pessoas que ali se encontravam, que fora da feira não há apoio do governo a esses profissionais e a falta de divulgação limita-os ao não atendimento comercial merecido. Enfim, a oportunidade resume-se a contatos feitos in loco, através de contatos com visitantes empresários com visão e dispostos a investir no artista, levando-os através de convites a um novo mundo lá fora, coisa que infelizmente não acontece dentro de nossa casa, em João Pessoa e nos municípios expostos no evento.
A Paraíba tem grandes talentos que merecem e precisam ser valorizados por todos da nossa terra. Esta é uma pequena mostra pela qual você e sua família estão convidados a conhecer o XXIX Salão de Artesanato Paraibano nas férias de janeiro.

Guet Coelho

Jornalista

Nenhum Comentário

Os comentários estão fechados.