A NOSSA HISTÓRICA FORTALEZA

Março 11, 2018

A Fortaleza de Santa Catarina é um dos monumentos mais expressivos da história paraibana pelo que representou, desde a sua construção nos últimos anos do século XVI, o que permitiu aos portugueses obterem vitórias expressivas para a implantação e consolidação da Capitania da Paraíba.
Localizada no estuário do rio Paraíba, à sua margem direita, ao lado do atual Porto de Cabedelo, estrategicamente localizada na entrada da barra do rio, o que proporcionou aos portugueses derrotar os invasores franceses e holandeses que pretendiam invadir a Capitania da Paraíba para conquistar a povoação de Felipéia de Nossa Senhora das Neves, berço da colonização da Paraíba.
Também pela sua imponência e sua história, ela é considerada por vários historiadores como a mais importante da região nordeste. O seu conjunto arquitetônico contém 20 compartimentos, dentre eles a casa do Capitão-Mor, a Casa da Pólvora, 8 alojamentos de soldados, 4 alojamentos de oficiais, a Capela de Santa Catarina, um Paiol, dois túneis e um poço de água doce. Ela é toda cercada de paredões enormes, de grandes pedras e, na sua parte superior, ficavam instalados os canhões para uso na defesa contra os invasores, muitos deles ainda ali existentes.
No governo de Frutuoso Barbosa – um dos fundadores da Capitania da Paraíba – em 1856, foi reconhecida a necessidade de sua construção que, segundo os historiadores, foi iniciada em 1859. Seu contingente militar inicial foi de 220 homens que estavam sob o comando do Capitão-Mor João de Matos Cardoso.
Hoje, a Fortaleza de Santa Catarina, pela sua beleza arquitetônica e por sua singular história, é um dos pontos de atração turística da cidade portuária de Cabedelo (pequeno cabo), recebendo diariamente centenas de turistas de todo o Brasil e de estrangeiros.
Suas múltiplas áreas, cobertas e também ao ar livre, possibilitam aos seus visitantes desfrutar de agradáveis passeios pela fortaleza e tomar ciência de sua história e seus feitos, contados por guias locais, treinados para esse fim. Os turistas encontram naquele belo monumento histórico, em seus salões, diversas exposições do artesanato local, bem como de quadros de cerâmica e azulejo, entre outros.
Cabedelo já foi um distrito do município de João Pessoa, depois transformado em cidade, e possui atualmente um grande desenvolvimento industrial, comercial e de serviços, como o Porto, moinhos de trigo, armazéns, grandes lojas, distribuidoras de gás e combustíveis e tantos outros localizados à margem da BR-230.
Destaque especial para os turistas deve ser dado às suas praias, destacando-se as tradicionais de Ponta de Matos, Formosa, Areia Dourada, Camboinha, Poço, Intermares, todas banhadas pelo Oceano Atlântico e a praia fluvial de Jacaré, no rio Paraíba, com suas inúmeras atrações, sendo a principal delas o famoso e apreciado pôr-do-sol ao som do Bolero de Ravel, tocado dentro de uma barca, no rio, pelo “craque” Jurandy do Sax.

Ivan Y Plá Trevas

Jornalista

Nenhum Comentário

Os comentários estão fechados.