Administrar com competência

março 9, 2017

Quando a economia dá sinais nebulosos, a primeira providência do empresário é recorrer a: mudanças na administração; corte de despesas; pesquisa de mercado para manter ou mudar o fornecedor. Em uma unidade hoteleira ou um restaurante estudar custos é essencial, pois, pode haver despesas evitáveis, reduzindo, assim, o desperdício. Produtos de consumo diário são indispensáveis; o conforto do hóspede, com boa acomodação e um bom serviço, reflete em posteriores indicações. Para ofertar-se conforto, bons sabonetes e xampus, e para o restaurante, as despesas são diárias.
O abastecimento tem que haver disputa com o concorrente, por isso, o hotel ou restaurante precisam ter um setor para a pesquisa de mercado e conseguir melhores compras. O estado da Paraíba hoje está bem servido de grande comércio atacadista e grossista, e nesses armazéns o empresário da hotelaria e dos restaurantes estão recorrendo para organizar a planilha de compra.
Aqui, em João Pessoa, a crise não chegou a amedrontar. Temos uma bela cidade eleita como uma das mais bonitas do Brasil, e aproveitando essa deixa, o empenho dos empresários, dinamiza a taxa de ocupação, superior às demais cidades do Nordeste. Mas, nem por isso o empresário pode baixar a guarda, tem que estar de olho nos preços e recorrer às melhores ofertas.

Nenhum Comentário

Os comentários estão fechados.