março/2014

A Vila de Picotes e suas histórias

São Mamede, cidade localizada no Seridó Ocidental Parahybano, possui um sem número de belezas naturais e culturais. Está encravada na depressão sertaneja, ornada por morros, serras e montanhas que dão majestosos contornos àquele pediplano. Uma dessas serras é Picotes, uma extensa formação granítica composta de uma sinuosidade que lembra o monólito Pão de Açúcar, no Rio de Janeiro.

Na base da Serra de Picotes, pelos idos de 1913 foi construída a primeira edificação pelo Sr. Manoel Vítor de Melo, pontapé inicial para a criação de um povoado. Em 1920 foi erigida a primeira capela em devoção ao Santo Antônio e em 1927 o povoado contava com várias residências e inaugurava uma feira semanal, aos sábados, que atraía comerciantes de São Mamede, Quixaba, Patos e toda região. A vila de Picotes é formada por um conjunto de duas dezenas de casas dispostas em duas fileiras formando um largo corredor com a capela fechando um dos lados. Há quem considere que o povoado teve maior desenvolvimento do que a própria São Mamede na primeira metade do séc. XX. A estrada que cortava os sertões paraibanos passava ao lado da igreja e a vila de Picotes se tornou uma parada obrigatória. Está viva na Mais >

A PARAÍBA ultrapassa 1 milhão DE TURISTAS

O Fluxo Global de turistas para o Destino Paraíba em 2013 foi de 1,6 milhão de pessoas, segundo os dados divulgados recentemente pelo Setor de Estatística da Diretoria de Economia e Fomentos. Só na capital paraibana foram 1.122.484 hóspedes em hotéis e pousadas. Esse número total é 5,59% maior que em 2012. Em vinte anos, o aumento é gradativo, representando um aumento de 2,37%.

 

Fazer o que?

 

Estamos à deriva. Cidadãos pagam seus impostos, sem direito a Saúde, nem Escola, e muito menos segurança. O linchamento a assaltantes é consequência da falta de presença do estado. Baseado nessa carência, a população está sendo conduzida pelo instinto de defesa e necessidade de proteção a fazer justiça com as próprias mãos. Um representante dos direitos humanos ou da sociologia certamente vai protestar com relação à ação da população, mas a paciência desta população tem limite, embora saibamos que ninguém de bom senso, aprova a condição de fazer justiça com as próprias mãos. Fazer o que? Cruzar os braços como as autoridades? Os deputados Federais e os Senadores estão ganhando o que com essa omissão? Porque não mudam as leis, tornando-as mais severas e eficazes? O sociólogo também podia fazer sua parte, não só criticando Mais >

Revista francesa destaca Medo do Mundial

A edição da revista FRANCE FOOTBALL esta semana veio com a capa toda negra, onde se lê “Peur sur le Mondial”, algo como: “Medo do Mundial”, sendo que a letra “O” da palavra “mondial” está a bandeira do Brasil, e onde deveria estar escrito “Ordem e Progresso”, foi colocada uma tarja negra. A revista não pode ser acessada no site: www.francefootball.com, apenas se vê a capa, a reportagem, de 12 páginas, não está liberada no Brasil.

Paraíba tem o melhor queijo de cabra

Em uma tarde de muito sol e calor como é peculiar no mês de janeiro no nosso estado, estive visitando a fazenda Carnaúba. Localizada no Município de Taperoá e de propriedade do Sr. Manuelito Dantas, na fazenda também está instalado o laticínio Grupiara, que produz o melhor queijo de cabra do Brasil. Ganhador de vários prêmios, o queijo de cabra do semiárido paraibano não fica a desejar para os melhores queijos franceses. Inclusive, inspirado numa proposta que um amigo fez para produzir queijos temperados com ervas da região de Provença na França Manuelito resolveu usar as ervas locais para temperar o seu queijo. O resultado foi tão bom que desde o ano de 2002, já são produzidos aqui, queijos temperados com ervas nordestinas como o Marmeleiro, Alfazema e Aroeira ou Cumarú. Do sucesso do queijo ganhador de vários prêmios o próprio Manuelito diz: “Valorizar aquilo que o semiárido tem de melhor, é a saída para conviver com a seca. Sim, porque não existe luta contra a seca, pois é um fenômeno natural. Existe convivência e adaptação. Com essa ideologia, hoje a fazenda carnaúba é considerada modelo pela postura adotada em relação ao clima semiárido. Não posso deixar de citar a Mais >

Rápidas

– O voto deve ser rigorosamente secreto. Só assim, o eleitor não terá vergonha do candidato. Mas não deve ser obrigatório, pois se trata de regime democrático.

– João Pessoa está se preparando para receber os jornalistas que virão participar do Congresso Nacional da Abrajet. O evento está previsto para o mês de maio.

– Mal terminei de comentar que dois novos hotéis estão em vias de inauguração, mais um, mandou a agradável notícia que também vai entrar no mercado: é o Swyler Hotel, com 130 apartamentos.

– A raríssima e caríssima turmalina paraibana é extraída na região do município de Junco do Seridó. Infelizmente a mineradora não é paraibana nem brasileira.

– Roseane Gomes ainda anda pendurada na presidência da Federação Paraibana e Futebol. E a lei que impede a vitaliciedade no posto?

– Viajar para a América do Sul, o turista tem que estar prevenido. Na Venezuela só desembarca quem tiver Seguro Saúde, de Furto, ou Roubo de Bagagem.

– Este ano tem eleição. Comece a fazer uma avaliação para a escolha de seu candidato. O seu voto pode ser decisivo. É importante para o Brasil.

– Se o seu candidato não lhe atende no período de ensaios para a campanha, imaginem, caso ele seja Mais >

Com o pé no freio

A presidente Dilma participou do Fórum Econômico Mundial em Davos nos Alpes. O evento concentra os mais poderosos industriais do mundo para discutir projetos de investimentos. O Brasil ficou de fora sob a alegação que investir no Brasil na atual situação é inviável. As estradas perigosas, as ferrovias que não mais existem e os portos saturados. A insegurança, a assistência a saúde falida e falta de mão de obra qualificada, os políticos de tão desonestos estão totalmente desacreditados, carga tributária as alturas, etc.

O Forró de Ingá é sucesso

E é batendo o martelo e dizendo que o São João de Ingá, é o ano todo. Em 2013 foi considerado o maior e melhor São João de todos os tempos e com ilhas em todos os lugares, bairros, praças e Itacoatiaras. O Prefeito Manoel da Lenha tem dado a máxima atenção a cultura. A sua equipe cobra qualidade nos eventos para que a cidade tenha um registro histórico durante o período de sua administração, e não perde tempo, despacha na rua mesmo. O Secretário de Turismo Vavá da Luz em apenas um ano de administração valorizou os atrativos da cidade como a cultura e a pré-história, “as impressões rupestres lá existentes”, conseguindo através de revistas, jornais e dos canais de televisivos, apresentar ao mundo um real potencial antes não valorizado. Em seu registro, cerca de 25.000 pessoas passaram na cidade, entre os dias 22, 23 e 24, para conhecer as Pedras Lavradas. A bandeira da Paz está no coração do povo. Em uma época de total insegurança, Ingá supera essa crise, a cidade tem total ausência de violência e de acidentes graves, e os festeiros são fiscalizados para evitar o excesso de álcool.

Show com Adilson Ramos

O Show com Adilson Ramos está programado para acontecer no dia 12 de abril próximo. O sucesso nas vendas de mesas vem batendo recordes. O motivo de tanta procura é a organização do evento e o valor artístico de Adilson Ramos, que irá levar o público ao delírio com as canções românticas de outrora que até hoje tem espaço nas rádios. O que vem chamando a atenção, é o interesse dos jovens que fazem questão de presenciar como demonstração clara que romantismo e bom gosto musical não tem idade.

FliCabedelo está confirmado

Vai acontecer de 18 a 22 de março do corrente mês, no município de Cabedelo-PB, a primeira Festa Literária de Cabedelo (FliCabedelo). O evento estará aberto ao público na Fortaleza de Santa Catarina, com perspectiva de atrair 7 mil pessoas de todas as idades, com excelente programação montada por mais de 20 escritores locais e nacionais. Com o tema Literatura, Rio e Mar, a primeira edição da Festa Literária vai homenagear o escritor, poeta e dramaturgo Ariano Suassuna, o teatrólogo Altimar Pimentel (in memorian), e a contadora de história Tia Beta (in memorian).

História do Porto

A Companhia Docas da Paraíba, responsável pela administração do Porto de Cabedelo, na Paraíba, litoral norte, organizou uma exposição permanente, para através de painéis, contar a história de oito décadas do Porto de Cabedelo. São 50 painéis instalados no hall de entrada do setor administrativo do Porto, em uma trajetória que começa com a invasão holandesa até os dias de hoje. A exposição permanente, com inauguração prevista para a conclusão da reforma do porto, é um trabalho de autoria do artista plástico paraibano Tony Lucena, foi concluída através de um trabalho minucioso de pesquisa bibliográfica e fotográfica, chegando a um interessantíssimo trabalho que poderá ser visto por turistas, estudantes, pesquisadores e historiadores.